7 de jul de 2009

CIRCUITO POPULAR DE CINEMA E VÍDEO 2009





Cinema de Graça, nas Férias de Julho no Centro de Cultura

A Fundação Cultural do Estado da Bahia – FUNCEB - promove, no Centro de Cultura de Porto Seguro, a exibição de filmes nacionais gratuitos. É o projeto Circuito Popular de Cinema e Vídeo, cuja proposta é fazer circular mostras de cinema e vídeo, nas quintas e Domingos.
Após as exibições, sempre haverá um debate conduzido pela Cineasta Jurema Carvalho e convidados especiais.

PROGRAMAÇÃO DO MÊS DE JULHO

Dias 02 e 05 de Julho
Ás 19h - (Noite)
Bahia de Todos os Santos ( Trigueirinho Neto)- 12 anos
A trama gira em torno de um grupo de amigos inconformados com o marasmo e a vida monótona da capital baiana, na época da ditadura de Getúlio Vargas. Tonho, um mulato rejeitado pelos pais que vive de pequenos furtos no Porto de Salvador, vive conflitos sociais, políticos e religiosos. Sua amante inglesa quer afastá-lo dos companheiros mas ele se envolve num atrito entre grevistas e a policia , terminando por roubar a amante para ajudar os perseguidos. Insatisfeita, ela o denuncia, comprometendo-o politicamente. Ele é preso e , quando volta para a família seu drama permanece.

Dias 09 e 12 de Julho
Madame Satã ( Karim Ainouz) – 16 anos
Em Madame Satã, o cinesta Karim Ainouz equilibra crueza e plenitude de estilo visual com visão “neomacunaímesca” no retrato de um personagem real. João Francisco dos Santos (Lázaro Ramos), artista transformista e criminoso conhecido como Madame Satã, foi uma figura singular da marginália carioca nos anos 1930.

16 e 19 de Julho
Edifício Máster ( Eduardo Coutinho)Livre
Um Edifício em Copacabana –RJ, moradores, gente aparentemente muito comum. Mas a câmera de Eduardo Coutinho vai encontrar ali toda a matéria de que se fazem os melodramas: solidão, fantasias, vaidade, dramas familiares.
Em mais essa obra-prima de um mestre do documentário, testemunhamos a precisão na escolha dos personagens e o rigor na opção pela palavra.

23 e 26 de Julho
Violência Urbana (Vários ) 16 anos
A violência cotidiana, uma das maiores mazelas da sociedade brasileira, não podia ficar fora da mira dos nossos cineastas. E essa seleção de seis curtas-metragens sobre o tema mostra que ela está presente tanto nos grandes centros – caso dos cariocas Rota de colisão (Roberval Duarte) e Bala Perdida ( Victor Lopes) e dos paulistas O trabalho dos homens ( Fernando Bonassi) e Balaio ( Luiz Montes) – como em outras regiões do País , exemplificadas por João Pessoa (O cão sedento de Bruno de sales e Cuibá ( Baseado em fatos reais. De Bruno Bini)

30 de julho
Histórias do Cinema Brasileiro ( vários) Livre
Fazer cinema no brasil não é para qualquer pessoa. Desde as dificuldades de colocar seu projeto de pé ao problema de fazêl-o chegar a seu público, a atividade cinematográfica nacional sempre foi marcada pelas peripécias e perseveranças típicas de uma trajetória incerta, porem cheia de grandes momentos e superações.
Os curtas presentes nessa coletânea contam algumas dessas histórias.

**Sessões Especiais

XI Festival Nacional de Vídeo Imagem em 5 Minutos
Todas ás quintas e Domingos

Ás 15h - (Tarde)

Informações:
O Centro de Cultura de Porto Seguro
fica na AV. Navegantes, Centro
Tel : (73) 3288 1388/ 32881975
culturaps@gmail.com